Vila de São Jorge e suas principais cachoeiras na Chapada dos Veadeiros

22

Foi na Vila de São Jorge que me apaixonei pela Chapada dos Veadeiros… Cheguei lá pela primeira vez quando a estrada ainda era todo de terra, a luz recém havia chegado e todos no povoado se conheciam… Voltei muitas vezes, morei lá uma temporada e mais de 20 anos continuando voltando com o mesma paixão por aquele lugar.

Em São Jorge passei inúmeros carnavais, feriados e viradas de ano. Lugar onde fiz incontáveis pedidos para as estrelas cadentes caídas do céu, desbravei trilhas pelo cerrado. Onde me encantei pelas Caliandras, admirei o voo do Carcará e olhei nos olhos de um Lobo-guará pela primeira vez.

Desse a minha primeira ida na Vila de São Jorge muita coisa mudou. Mas ainda assim, o local guarda a essência e a rusticidade de outrora.

Vila de São Jorge

A vila surgiu na década de 40 com a chegada de milhares de garimpeiros em busca de cristal. O local chegou a ter mais de 3 mil homens trabalhando no garimpo. Com o declínio do cristal, a maior parte dos garimpeiros — oriundos principalmente da Bahia — voltaram para suas casas e deixaram São Jorge. A criação do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, nos anos 60, atraiu visitantes para o povoado que passou por um processo de transformação. Desde então, o lugar descobriu uma nova fonte de economia: o turismo. Muitos guias são ex-garimpeiros que atuam como principais agentes na preservação do Cerrado.

A Vila de São Jorge está localizada a 36 km de Alto Paraíso, com estrada totalmente asfaltada e ciclovia. É o lugar mais perto para chegar no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, apenas 2 km de caminhada até a portaria. Sendo assim, a melhor opção para quem vai viajar sem carro e quer ter acesso aos principais atrativos da região.

Anualmente, no mês de julho, a Vila de São Jorge é palco do Encontro de Cultura Tradicionais, um evento que traz toda pluralidade cultural popular do nosso país em só lugar. Recebe também o Encontro de Raízes, onde reúne pajés, raizeiros e benzedeiras de várias partes do Brasil para uma troca e resgate de antigas medicinas da terra.

São Jorge
Uma das principais ruas da vila de São Jorge

Moacir, o artista de São jorge

Ao chegar na vila de São Jorge é impossível não ver as obras — profanas e sagradas — do artista local Moacir Faria. Ele começou a pintar aos seis anos de idade com carvão e tintas feitas com elementos da natureza, como urucum. Segundo ele, as primeiras pinturas eram inspiradas a partir de suas alucinações duais entre o céu e o inferno. Depois de adulto começou a aparecer em seus desenhos muitos elementos sexuais. Por muitos anos Moacir evitou o convívio social e não recebia visitas. Quando alguém se aproximava da casa ele rapidamente entrava e fechava portas e janelas. Houve um tempo que a casa ficava aberta para visitação, mas foi fechado para preservar sua saúde mental que é bem frágil.

vila-sao-jorge-veadeiros-3
Dona Maria Odúlia, mãe de Moacir já falecida.
vila-sao-jorge-veadeiros-2
Antigamente a faixada da sua casa era assim

Como chegar 

A vila de São Jorge fica a 280 quilômetros de Brasilia e não existem muitas opções de transporte. Uma das alternativas mais usadas é de ir ônibus até Alto Paraíso e de carona para São Jorge. Ou, já pegar carona direto para São Jorge em páginas que facilitam o transporte da Chapada dos Veadeiros:


Dica para quem vai de carro: Alto Paraíso é a última cidade para abastecer o carro.


 

Clima

No verão a temperatura média é de 25°C e 19°C no inverno. Com o clima tipicamente seco do inverno no cerrado, os dias são quentes e as noites muito frias. Nessa época, leve agasalho! E nas duas estações hidrate o corpo com muita água, pois o nível de umidade é constantemente baixo.

Estrutura 

A vila de São Jorge é muito pequena, as ruas são de terra. Porém não se engane com a rusticidade do local que dispõe de hospedagem de alto padrão, uma até com um heliporto.

Durante a alta temporada (feriados, férias e época de festivais), o povoado que com menos de 400 habitantes, recebe mais de 2 mil visitantes. Nessas épocas os preços aumentam e as reservas de hospedagem devem ser feitas com antecedência.

São Jorge têm pequenos mercados, farmácia e opções de restaurante. Porém, não tem nenhum banco ou caixa eletrônico. Se precisar de bancos (Brasil, Caixa e Itaú) ou posto de combustível e hospital é preciso ir até Alto Paraíso, a 36 km.

São Jorge na Chapada dos Veadeiros e as cachoeiras mais próximas

1. Vale da Lua

O Vale da Lua é sem dúvida um dos atrativos mais visitados na Chapada. Localizado a 35 km de Alto Paraíso e apenas 9 km de São Jorge, o lugar impressiona por sua formação rochosa peculiar que lembra as crateras da Lua, por isso o nome. Piscinas naturais formam entre grutas e fendas esculpidas naturalmente, durante milhões de ano, pelas águas do Rio São Miguel.

Atenção: na época de chuva o Vale da Lua é um dos lugares mais perigosos para banho. Os poços enchem rapidamente e devido a formação do lugar, criam-se muitos redemoinhos que não são visto da superfície. Além disso, pela quantidade de pedras, as trombas d’água são frequentes e as correntezas ficam muito fortes.

Como chegar: 30 km de Alto Paraíso + 3 km de terra
Estrutura: banheiro e uma lanchonete simples
Visitação: diariamente, das 8h às 17h
Taxa: R$20 por pessoa

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Cris Marques (@raizesdomundo) em

São Jorge

2. Salto do Raizama

Raizama está localizado a 3 km de São Jorge e sua trilha é uma das mais curtas, com apenas 2 km (ida/volta) até o salto principal. Por ter fácil acesso é um ótimo lugar para ir com crianças. O Rio Raizama desce até encontrar com o Rio São Cânion que pode ser visto por um cânion de 40 metros de altura. Em épocas de chuva os rios ficam mais cheios e a paisagem é ainda mais bonita!

Embora seja considerado um dos lugares imperdíveis da Chapada dos Veadeiros, é um dos atrativos que menos gosto. Além de não receber muito sol durante o dia, o Raizama não têm muitos poços para banho. Vale a pena para conhecer pela paisagem, mas se tem pouco tempo recomendo locais como o Vale da Lua, uma das trilhas do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros ou Encontro das Águas.

Estrutura: banheiro e restaurante simples
Visitação: diariamente, das 9h às 17h
Taxa: R$20 por pessoa

3. Morada do Sol

Uma cachoeira e pequenas quedas que formam piscinas naturais cercadas por paredões. O rio é o mesmo que corta o Vale da Lua e a formação rochosa dá continuidade ao que verá lá. No entanto, aqui é bem melhor para tomar um sol e nadar nos vários poções de água transparente.

morada-sol-chapada-veadeiros morada-sol-chapada-veadeiros-1De São Jorge até a Morada do Sol são 6 km de asfalto, 2 km de estrada de terra. A trilha é fácil, com quase todo o trajeto na sombra. Um lugar ideal para curtir um dia de descanso, sem precisar de muito esforço para chegar em uma cachoeira.

Estrutura: lanchonete
Visitação: diariamente, das 9h às 17h
Taxa: R$20 por pessoa

4. Cachoeira do Segredo

Há um tempo atrás a Cachoeira do Segredo já foi uma das cachoeiras mais cobiçadas da Chapada dos Veadeiros, não pela cachoeira em si, mas pela trilha longa que cruzava o Rio Segredo várias vezes. Sabe aquela frase: “o mais importante que o destino é o caminho”? Pois bem, ela fazia todo sentido quando a trilha tinha cerca de 8 km, cruzando várias vezes o rio até chegar na cachoeira. Bons tempos… Atualmente, a trilha é de apenas 3 km, mais ainda vale conhecer essa cachoeira que uma das mais altas da região, com 120 metros. Se prepare, pois a água é fria!

Durante o período de chuva, pelo risco de tromba água, é obrigatório ir com guia. A trilha é bem sinalizada e na época de seca é opcional ir com guia.

Como chegar: de São Jorge até a portaria são aproximadamente 10 km + 14 km de terra, passando 4 vezes por um córrego. Não é necessário um carro 4×4, mas esteja seguro de dirigir em estrada de terra em condições precárias.
Visitação: diariamente, das 9h às 17h
Taxa: R$25 por pessoa com guia, R$35 por pessoa sem guia.

São Jorge

São Jorge

5. Águas Termais 

As Águas Termais não são cachoeiras, mas sim piscinas naturais de água quente que brotam do solo. Existem duas termais principais na região: Éden e Morro Vermelho, que ficam praticamente uma de frente para outra. Ambas têm três piscinas com temperatura média de 28 a 33 graus. Mas veja bem, não vá com uma expectativa enorme de uma água super quente. É morna. A mais quente é do Morro Vermelho e o melhor horário para ir é durante à noite. Todas oferecem estrutura de banheiro e restaurante, sendo que no Éden possui também uma sauna seca.

Taxa: R$20-R$25 por pessoa

6. Encontro das Águas

Na minha opinião é um dos lugares mais bonitos da Chapada dos Veadeiros, o encontro entre o Rio São Miguel e Tocantinzinho, que formam prainhas de água transparente, ótimos para passar o dia. A trilha é sinalizada e pouco antes de chegar na prainha tem um mirante (à esquerda) de apenas 1 km. Não deixe de ir, é muito lindo ver o rio lá de cima. Aqui também é o ponto final do rafting.

Estrutura: na portaria tem um pequeno restaurante e lanchonete
Visitação: diariamente, das 7h às 17h
Taxa: R$25 por pessoa

São Jorge

São Jorge

chapada-veadeiros-encontro-aguas

7. Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (PNCV)

Quem deseja visitar o Parque, não tem jeito, precisa ir até São Jorge. Alguns preferem ficar hospedados em Alto Paraíso e ir durante o dia para fazer as trilhas. Para os viajantes sem carro, a melhor opção é ficar hospedado em São Jorge.

O PNCV está sob a gestão do Instituo Chico Mendes de Conservação, mas desde dezembro de 2018 foi privatizado e sua concessão é prevista por 20 anos. Desde de junho de 2019 a entrada passou ser cobrada: veja aqui. Oacesso com guias não é mais obrigatório e a visitação é aberta de terça a domingo, das 8h às 18h. Nos feriados que caem nas segundas, o parque fica aberto normalmente. Durante as férias de janeiro e julho, também funciona todos os dias. Não é permitido acesso de criança menores de 5 anos, mesmo acompanhadas dos pais. Na alta temporada a dica é chegar cedo, pois o limite de pessoas na trilha é limitado. Ao atingir o limite diário não é permito o ingresso no Parque. Na Trilha do Salto, por exemplo, são 350 pessoas e a Trilha dos Cânions, 300 pessoas por dia.

veadeiros

chapada-sao-jorge-2
Mirante da Trilha dos Saltos
chapada-sao-jorge
Cachoeira do Salto

QUER SABER MAIS SOBRE A CHAPADA?

TUDO SOBRE A TRAVESSIA SETE QUEDAS5 MOTIVOS PELOS QUAIS VOCÊ DEVERIA CONHECER A CHAPADATRILHAS DO PARQUE NACIONAL DA CHAPADA DOS VEADEIROSCOMO CHEGAR NA CHAPADA DOS VEADEIROS SEM CARROCONHEÇA O MIRANTE DA JANELA, O MAIS BONITO DA CHAPADAENCONTRO DE CULTURAS TRADICIONAIS DA CHAPADAPÁGINA DE TRANSPORTE SOLIDÁRIO QUE FACILITA CARONAS CONHEÇA AS PRINCIPAIS CACHOEIRAS DA VILDA DE SÃO JORGECACHOEIRA DE SANTA BÁRBARA, EM CAVALCANTEALTO PARAÍSO E AS CACHOEIRAS MAIS PRÓXIMAS
Brasiliense, turismóloga, blogueira, mulher medicina, admiradora das brincadeiras populares e dos simbolismos étnicos. Sol e lua em sagitário, adora banana, cachoeiras, rios e mar. Não viaja sem seus óleos essenciais, não recusa um convite para dançar e acredita que o abraço cura.

22 COMENTÁRIOS

  1. Cris queria ir pra são Jorge no final de dezembro quais os Camping mais baratos para se pagar por dia e gostaria de saber como é as festas de final de ano.? Bjs desde já agradeço!

  2. Oi Cris!

    Irei a Veadeiros em Julho, ficarei 4 dias inteiros e vou me limitar somente ao Parque Nacional, pois vou sem carro e irei ficar em São Jorge. Minha pergunta é. Consigo conhecer os melhor lugares/trilhas do parque? 4 dias é muito? É Pouco?

    Abraços

    • Olá Rafael, no parque você tem duas trilhas principais que você pode fazer uma por dia, 2 dias é suficiente. Nos outros 2 dias você pode ir conhecer Raizama e Vale da Lua.

      Grande abraço!

  3. Oi, Cris, bom dia. Sou de Salvador e vou pra Chapada dos Veadeiros em Junho (inclusive já comprei passagem aérea pra Brasília e passagem de ônibus para Alto do Paraíso). Queria uma ajudinha sua, porque estou sem saber qual melhor lugar para ficar (Alto do Paraíso ou São Jorge), porque vou sem carro e quero fazer algumas trilhas sem guia (as que forem fáceis) para economizar grana para pagar guia nas que forem mais distante (ex: Santa Bárbara). Você me indica camping aonde? Porque também tenho que atentar para o fato de que vou ter que ir para alto do paraíso 2:40 da manhã, porque meu ônibus volta para Brasília esse horário. Aguardo retorno e MUITO OBRIGADA!

  4. Boa noite, gostaria de dicas para Cavalcante, ficarei em são jorge, mas quero passar um dia lá para conhecer a famosa Cachoeira Santa Barbara e o que mais tiver por lá de interessante por perto. inclusive cachoeiras que existam no caminho de volta para Alto Paraíso. Irei em 21 de abril, será que é uma boa época.
    Obrigada

    • Olá Ana Paula, em breve farei um post de Cavalcante. Enquanto isso você pode acompanhar pelo Instagram, tem muitas dicas de lá: @dentrodomochilao.

      Grande abraço!

  5. Olà Rosimara , sou a Fabiola. irei pra a chapada sozinha e gostaria de preguntar onde fica a porta de entrada para o parque e se eles cobram para uma entrada.
    as trilhas, as cachoeiras , o mirante ficam todos dentro do parque ?

    quais são os lugares mais bonitos pra visitar ?

    • Olá Fabiola, a entrada fica em São Jorge e dá para chegar andando até lá. É só perguntar que você acha. 😉 A entrada custa R$3. Caso você queira contratar um guia o valor é R$100 (com grupos de até 10 pessoas). No parque você pode escolher duas trilhas: Trilha dos Salto e
      a Trilha dos Cânions. As duas têm cachoeiras e são lindíssimas!!!

      Grande abraço,
      Cris Marques

  6. Bom dia Cris!
    Estou com algumas duvidas, mas acredito que você pode me dar uma ajudinha.
    Então, eu e mais dois amigos estamos planejando uma viagem para a chapada em julho, para comemorar o meu aniversário. É a nossa primeira viagem até a chapada. Moramos em Luziânia.
    A ideia é Brasília > Alto Paraíso ( indo pela real express) . Aí já surge uma das minhas duvidas; como ir de Alto Paraíso para São Jorge ? ( onde pretendemos ficar hospedados)
    É fácil pegar carona lá? Mesmo sendo três pessoas? Tem algum ônibus ou van?
    Eu lí sua postagem sobre o camping Tauiá e fiquei encantado! Creio que vai ser lá mesmo que vamos ficar. A ideia inicial é uma viagem de 3 dias.
    Outra duvida é … Como faço pra chegar até as cachoeiras? pelo que andei vendo, ficam um pouco distante uma da outra. Queremos muito ir até o vale da lua e visitar o parque nacional. O guia é contratado lá na entrada mesmo? Quanto custa em média?
    Inclusive, estamos querendo fazer uma viagem de baixo custo, o importante mesmo é o contato com a natureza.
    Acho que é isso.
    Se puder ajudar, ficaremos muito gratos. Estamos precisando bastante dessas informações.
    Abraço, Rafael.

    • Olá Rafael, tem ônibus saindo de Alto Paraíso para São Jorge, os horários você pode verificar na rodoviária de Alto. Carona de 3 pessoas sempre é um pouco mais difícil em qualquer lugar, mas é só ter um pouco de paciência que uma hora aparece um carro apenas com o motorista. Existe uma página no facebook bem ativa de caronas solidárias na Chapada. Dá uma olhada nesse post -> http://www.dentrodomochilao.com/2013/01/pagina-de-transporte-solidario-facilita-pedir-e-oferecer-carona-para-chapada-dos-veadeiros/
      Recomendo o camping Tauiá demais! Vocês irão gostar! Em algumas cachoeiras você pode chegar caminhando como o Vale da Lua e o Parque. O resto rola de pegar carona. Para o parque não é obrigatório guia, mas se quiserem contratar um pode ser na entrada mesmo. Não sei quanto custa, acho que é R$100 (independente do número de pessoas). Acho. =)
      Ajudei? Qlq outra dúvida pode escrever!

      Grande abraço!

  7. Ola irei na chapada dos veadeiros sozinha,estou de férias e gostaria de saber.um.pouco mais de.lá,o.que as pessoas n contam e perigoso?da para visitar as.cachoeiras sozinhas ?qto dias são necessários para conhecer as mais.famosas?celular pega lá?tem cachoeira tanto em são.Jorge como alto?n tem ônibus em são Jorge?como volta para Brasília ou para alto paraíso?obg ficarei muito.agradecida se.puder me passar informações. Att rosimara

    • Olá Rosimara, dá para visitar todas as cachoeiras sozinhas, mas vai depender do seu espirito de independência. hehe Se você é acostumada a viajar sozinha não terá problema nenhum.
      – um dia é suficiente para cada cachoeira
      – celular pega
      – tem cachoeiras tanto em São Jorge quanto em Alto
      – não tem ônibus em São Jorge, mas tem ônibus de São Jorge para Alto Paraíso
      – Volta para Brasilia de São Jorge e de Alto, mas só tem um horário pela manhã

      Espero ter te ajudado um pouco…

      Grande abraço!

  8. Em São Jorge, no Parque Nacional, justamente no mirante da janela tive uma experiência espiritual inesperada. Completamente mágico. Aquele lugar é sensacional e inexplicável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.